C o n v e n i ê n c i a — Enquanto tomava meu café matinal resolvi responder alguns comentários nos grupos que participo, conversei com algumas pessoas e trocamos várias ideias. Depois fechei o notebook e fui aproveitar o Domingo não tão ensolarado, quando me deparei com o seguinte pensamento: “Essa troca de ideias é muito conveniente!”

Esse pensamento ficou ecoando insistentemente e como consequência provocou uma questão: “Conveniência é algo ruim?” Na verdade eu não tenho uma resposta exata para tal pergunta, mas teria algumas favoráveis explicações, seja por convenção social, por comodidade, por decência, por concordância e até mesmo por proveito.

Preciso te contar um segredo, já perdi grandes oportunidades por não manter uma amizade ou um relacionamento por interesse, nunca soube manter uma pseudo-amizade, não sei tirar proveito das pessoas e confesso que fico muito admirada com aqueles que possuem essa natureza. Para mim é conveniente a todos respeitar e preocupar-se verdadeiramente seja com os animais, com o patrimônio de sua cidade, com a natureza, com as crianças e entre os adultos. Falando em crianças, você já reparou como elas se ajudam sem esperar nada em troca? Como elas são sinceras e amigas? Bem, infelizmente, algumas quando adultas tornar-se-ão interesseiras e o substantivo conveniência perderá seu benéfico significado.

Analisando bem o comportamento entre as pessoas, o Interesse é algo muito comum. Já vi situações entre amigos, entre familiares, entre namorados, entre colegas de trabalho e tudo resume-se em solicitar favores (tirar proveito), mas voltando a questão principal quando se faz o uso por decência e concordância a conveniência é muito bem-vinda, obrigada! Sabe, deveríamos manter algumas atitudes da infância, indubitavelmente o relacionamento humano seria cândido e harmonioso.

(CC BY-NC-ND 4.0)

5

Share: