No meu último artigo sobre Minimalismo comentei que para minha organização pessoal fiz o uso do Programa 5S. Como disse, eu conheci este método em minhas aulas de Sociologia no ensino médio (é estudantes!!! cada coisa que você aprende na escola algum dia você usará sim!!) e trazê-lo para minha vida pessoal foi muito benéfico. Se você buscar no Google encontrará muitas empresas que fazem o uso dos 5S para a otimização dos seus serviços.

Programa 5S é o Controle da Qualidade Total no estilo Japonês e tem como objetivo facilitar as tarefas diárias e evitar o desperdício e isso no Minimalismo funciona super bem, cai como uma luva e com toda certeza é o “casamento perfeito”. É obvio que vai muito mais além das coisas que vou falar por aqui, mas o meu objetivo é mostrar a união do 5S + Minimalismo.

Observe que são 5 palavras japonesas e que começam com S ⇒ 5S
😉

Seiri → Seiton → Seiso → Seiketzu → Shitsuke


Seiri → Senso de Utilização

Basicamente é separar tudo em duas pilhas: úteis e inúteis.

Úteis
São as coisas que utilizamos ou possuem valor sentimental e não queremos e nem podemos descartar.
Organizá-las de modo eficiente, ou seja, deixando em mãos as coisas que são utilizadas diariamente e guardando as coisas de uso sazonal.

Inúteis
Aqui entra as coisas que temos sem razão. Coisas que estão encostadas e que não utilizamos de modo algum, ou seja, são coisas completamente inúteis, descartáveis e que não nos farão falta.
Quando destralhar dê um destino certo as coisas, faça doações ou se quiser venda, mas não deixe as coisas jogadas na rua ok?


Seiton → Senso de Ordenação

Basicamente é arrumar e deixar tudo em fácil localização.

Que tudo tem seu devido lugar isso já sabemos, não é novidade para ninguém e isso facilita demais. Poupa tempo e não existe o desespero na hora da correria, ou seja? Não perdemos a paciência com coisas desnecessárias.


Seiso → Senso de Limpeza

Não tem muito o que dizer neste ponto. Quem não gosta de uma casa arrumadinha, limpinha e cheirosinha? Eu adoro cheiro de casa limpa! Roupa limpa!

O mais importante do que a limpeza e aprender a não sujar.
“Ah impossível! Vamos voar!?!” – Não exatamente…
Sujou?  – Lavou!
Bagunçou? – Arrumou!
É chato fazer isso todos os dias, mas com certeza é bem pior chegar no sábado e ter aquela pilha de louça ou aquela montanha de roupa para lavar.

E aqui entra um ponto muito interessante do Minimalismo: Menos é Mais! 😉


Seiketsu → Senso de Saúde

Assim como o Seiso (Senso de limpeza) é algo muito óbvio.
Um ambiente limpo, arrumado é com toda certeza alvo de produtividade e bem-estar.
Você não sai de casa sem tomar banho não é mesmo? Então… não há motivos para deixar o seu ambiente sujo. Não preciso te lembrar que sujeira/poeira trás doença né?


Shitsuke → Senso de Autodisciplina

Com toda certeza esse é o ponto mais complicado de todo processo.
Assim como levar uma vida minimalista, este senso requer muita força de vontade, autocontrole e comprometimento total para um bom desempenho.


Teoricamente parece ser tudo muito simples e fácil, não vou te desanimar, mas não é. Já disse inúmeras vezes que ser Minimalista é uma escolha Consciente e vai muito além de um design clean, pois como tudo na vida o Comprometimento é fundamental. Ensinar uma criança desde pequena a levar uma vida minimalista é muito mais fácil do que mudá-la no meio do caminho, mas acredite é uma opção muito saudável.

5S + Minimalismo ⇒ É uma filosofia de vida, de disciplina e de organização.

(CC BY-NC-ND 4.0)

2

Share: