… e um feliz ano novo 🥂

Oie, tudo bem com você? Pouquíssimo apareci por aqui no mês de Dezembro/2018, entendam uma coisa, todo fim de ano é um período complicadíssimo para mim. É a época em que mais tenho textos para revisar e tenho meu filho em casa a todo instante. Se tenho vontade de vir aqui e escrever? Claro que tenho, mas não consigo. Os dias ficam acelerados e às vezes publico alguma foto no Instagram.

Agora estamos em Janeiro de 2019, confesso que esperei muito pela virada do ano. 2018 foi um ano excelente, apesar de muito trabalho e muita luta, não temos do que reclamar, tivemos muitos frutos e muitas conquistas. Para cada pequena vitória, tem uma dedicação imensa – lembrem-se sempre disso 😉

Ok, mas e agora? Ano Novo – Vida Nova? Seria uma verdadeira mágica se fosse assim né? O que posso dizer é Ano Novo – Update Novo! Sabem porque gosto deste período? Gosto porque é entre a última e a primeira semana do ano que observo tudo o que já passou e traço novas metas, quero sempre melhorar quem sou, estou sempre buscando a minha melhor versão, abandonando velhos hábitos e desenvolvendo novas habilidades.

Qual meu desejo para 2019?

Antes de tudo desejo continuar transbordando Amor e aprimorar minha paz interior, pois somente assim conseguirei caminhar sem medo.

Agora falando sobre metas, ainda não coloquei no papel exatamente quais serão as deste ano, mas o que posso afirmar é que preciso tê-las claramente estabelecidas, é quase uma necessidade mesmo.

O que acontece é que em 2018 resolvi não fazer uma lista, decidi deixar as coisas acontecerem e viver um dia de cada vez – pessoalmente não me sinto bem sabe? Acho incrível as pessoas que conseguem viver assim: como se não existisse O Amanhã, mas este estilo de vida não é para mim. Gosto de ter um motivo, uma meta, um caminho, um objetivo, senão eu me sinto perdida e perco o equilíbrio comigo mesma.

Do fundo do meu coração Desejo a todos nós que 2019 seja incrível! Com muitas conquistas, muita dedicação, muitas alegrias e todo AMOR do mundo. Obrigada por ter me acompanhado em 2018 (no meio de vários altos e baixos) e espero estarmos mais próximos agora.

Feliz 2019! 🍾

4

📮 Uma carta de despedida

Escrever uma carta de despedida, logo no último dia do ano é uma coisa muito difícil, até porque existem muitas coisas que eu gostaria de simplesmente virar a página, arquivá-las e fingir que nunca aconteceram, mas compreendo que não é assim, até porque tudo que vivi durante este ano me aprimorou como ser humano e também a única coisa que muda de pronto é o Calendário.

2018 foi um ano tão complicado assim?

Não diria complicado no sentido de algo impossível de viver, mas sim no sentido de muito aprendizado, intensa dedicação (no trabalho e na vida pessoal) e enormes doses de paciência.

Na minha vida pessoal, de um modo bem seguro, existem coisas das quais dou meu adeus e tenho absoluta certeza de que não volto atrás: carne vermelha, velhos hábitos, pessoas tóxicas e a insegurança nas minhas decisões. São assuntos que merecem uma certa atenção, pois foram exatamente essas experiências que me fizeram perceber as coisas que realmente quero constantemente nos meus dias.

Já na minha vida profissional, se eu tiver algo a reclamar seria sobre o fato de precisar acordar de madrugada para trabalhar, infelizmente meus pais não conseguem compreender que mesmo trabalhando em casa eu não posso ser interrompida a todo instante, mas fora isso não há o que reclamar!

Então vamos combinar assim, esta não será apenas uma carta de despedida e sim um lembrete pessoal, que irá sempre me lembrar de que não importa o quão complicado e difícil as coisas e as pessoas pareçam ser, são necessárias para me tiram da zona de conforto e me fazer crescer, afinal buscar minha melhor versão é o meu objetivo de vida.

Querido 2018, obrigada por tudo que vivemos até aqui, pelas pessoas que conheci, pelas decisões que tomei, pelas batalhas que superamos juntos e por todo amor que você me proporcionou. Seja bem vindo 2019, mais do que nunca estou preparada para nossas novas aventuras!!


💌 “Projeto 12 cartas em 12 meses”

6