“Simplicidade de uma criança”

Originalmente escrito em Novembro 6, 2011.

Eis que hoje meu filho me chamou para um papo sério:

– Mamãe, quero falar sério com você.
– Fala filho, diga.
– Senta ai mãe, é sério o papo.
– Ok. Sentei, agora diga.
– Mãe, você gosta do fulano? Porque eu gosto, acho uma pessoa muito bacana!
– Gosto filho, mas as coisas não são simples assim.
– E por que não?
– Porque não podemos obrigar as pessoas gostarem de nós como nós gostamos delas.
– Complicado isso mãe.
– Nossa filho nem me fala como.

Um minuto de silêncio e ai ele me diz assim:
– Mãe eu amo muito você!
– Eu amo você também.

Ai ele levanta e no quase fora do quarto vira e diz assim:
– Viu mamãe, amar você é simples assim!

Da série: Coisas dos Bazinhos!! ^.^

3

2 Comments

Hozana outubro, 2018 Reply

Olá! Achei lindo, simples e com uma mensagem maravilhosa.
Se você me permite, gostaria de fazer uma crítica construtiva. Atente mais um pouco para pontuação. Eu também cometo muitos erros e quando alguém vem e me ajudar a identificá-los, eu aprendo mais e melhoro minha escrita. No mais, você tem sensibilidade pra escrever e isso é lindo! Beijos!
Borboletra

Viectoria outubro, 2018 Reply

Oie Hozana!!

Muito obrigada por sua visita, fico muito feliz por tê-la aqui. Críticas construtivas são e sempre serão bem vindas, afinal não sabemos de tudo não é mesmo!? No caso, foi apenas uma passagem, em um momento descontraído e foi exatamente assim que quis passar, sem regras e sem polimento linguístico 🙂

Seja bem vinda e volte sempre!

Deixe uma resposta